Mensagem de Presidente

Foi em 1982 que a Sociedade Portuguesa de Oncologia (SPO) ganhou vida e desde então tem tido um papel relevante na promoção da qualidade e da multidisciplinaridade no seio da comunidade médica portuguesa.

A atual direção tem como objetivo dar continuidade ao trabalho desenvolvido e assenta o seu plano de ação em 3 pilares fundamentais:
  • Formação
  • Investigação 
  • Comunicação
No plano de atividades para 2015, contamos já com o 2º Congresso Luso Brasileiro de Oncologia e com a Reunião Anual da Sociedade Portuguesa de Oncologia, que terá este ano a sua primeira edição.

O Futuro da Oncologia está no centro das nossas preocupações, pelo que os Jovens Oncologistas merecerão da nossa parte um lugar de destaque. Nesse sentido estamos a preparar um conjunto de atividades, que promovam a partilha de experiência dos mais velhos para os mais novos. A criação do Núcleo de Internos assume assim um lugar de destaque no plano de ação desta nova direção.

Queremos também dar o nosso contributo na promoção da investigação em Portugal, através da divulgação de ensais clínicos e da sponsorização de trabalhos de investigação. Estreitar a parceria com outras sociedades médicas na elaboração de recomendações clínicas, também está na nossa agenda de trabalho para o triénio.

Ao nível da comunicação, queremos estar mais próximos da Sociedade Civil contribuindo para uma população mais e melhor informada sobre o Cancro. Mas, e no que à comunicação diz respeito, deixo aqui uma palavra especial aos nossos associados, com quem queremos estreitar laços e fornecer todas as ferramentas que estejam ao nosso alcance para uma Sociedade Portuguesa de Oncologia mais unificada e coesa.

Durante este mandato, contamos com a colaboração e o empenho de todos, no sentido de consolidar a SPO como uma sociedade inclusiva e multidisciplinar, esperando que as ações da SPO contribuam a promover a qualidade da Oncologia em Portugal.


Com os melhores cumprimentos,

Gabriela Sousa 
(Presidente da SPO)