Prémio FAZ Ciência incentiva projetos de investigação nacionais na área da Imuno-Oncologia com prémio de 35 mil euros
21 de Dezembro2017 Prémio FAZ Ciência incentiva projetos de investigação nacionais na área da Imuno-Oncologia com prémio de 35 mil euros


O período de candidaturas ao "Prémio FAZ Ciência”, que se destina a distinguir o melhor projeto de investigação translacional em Imuno-Oncologia, desenvolvido em Portugal, encerra a 31 de dezembro de 2017. A Fundação AstraZeneca (FAZ) e a Sociedade Portuguesa de Oncologia (SPO), entidades promotoras desta iniciativa, relembram que até ao final do ano é possível submeter candidaturas por email.
Esta bolsa terá um valor entre os cinco e os trinta e cinco mil euros, valor a decidir pela Comissão de Avaliação em função das candidaturas apresentadas, e poderá premiar mais do que um projeto. As candidaturas deverão ser enviadas por email para premiofazciencia@astrazeneca.com. O regulamento está disponível no site da SPO, www.sponcologia.pt e na página da Fundação AstraZeneca, em, www.astrazeneca.pt.
Os projetos candidatos ao Prémio "FAZ Ciência” serão avaliados por uma Comissão de Avaliação composta por cinco reconhecidos especialistas nacionais na área da Imuno-Oncologia: Carmo Fonseca, Presidente do Instituto de Medicina Molecular (IMM) e Professora Catedrática na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, Gabriela Sousa, Presidente da SPO e Diretora do Serviço de Oncologia Medica do IPO Coimbra, José Carlos Machado, Vice-presidente do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup) e Professor Associado da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, José Dinis Vogal (norte) da SPO, Diretor da Unidade de Investigação Clínica do IPO do Porto e Paulo Cortes, Vice-Presidente SPO; Coordenador da Unidade de Oncologia do Hospital dos Lusíadas.

O prémio será entregue em março de 2018. Mais informação em https://www.sponcologia.pt e em www.astrazeneca.pt.